sexta-feira, 15 de outubro de 2010

O conselho do governador

O pragmatismo do conselho que o governador me deu reflete o descaso do Estado com os médicos da rede pública de saúde

A SÃO Paulo Companhia de Dança realizou no dia 7 deste mês uma magnífica apresentação em comemoração ao seu primeiro ano de existência. Entre as várias autoridades presentes estava José Serra. Ele escreveu a introdução do programa e merece grandes elogios pelas realizações da companhia. O belo espetáculo foi seguido de um coquetel, no qual tive a honra de parabenizar o governador pessoalmente pela alta qualidade técnica alcançada por uma companhia tão jovem.
O breve encontro foi a oportunidade de lhe comunicar um fato que me deixara perplexo, ocorrido no início daquela semana.

Ao me apresentar, contei ao governador que sou médico, que fiz graduação na USP, pesquisas em Harvard, residência em dermatologia no hospital Johns Hopkins (EUA) e especialização em cirurgia dermatológica em Paris. Contei também que há cinco dias fora contratado como médico concursado do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP.
Ele sorriu e me deu pa
rabéns. Ao agradecê-los, muito constrangido, informei-o de meu espanto ao descobrir que o salário-base para o médico do HC era de R$ 414 mensais para uma carga horária de 20 horas semanais.

O governador buscou me consolar dizendo que eu não ganharia só isso.
Respondi que estava ciente das gratificações e que, mesmo assim, meu salário bruto seria de R$ 1.500.

Informei-o ainda de que o custo para manter meu consultório fechado durante as horas em que estarei no HC é o triplo do valor que receberei do Estado.
Àquela altura, quando já não mais sorríamos, pedi sua opinião. O governador me aconselhou a deixar o HC, dizendo que o HC não é um bom negócio para mim.

A objetividade e o pragmatismo do conselho refletem bom senso nas finanças privadas. O seu conteúdo reflete o descaso do Estado com os médicos da rede pública de saúde e com o futuro de uma instituição cujas contribuições assistenciais e para a pesquisa e educação médica são inigualáveis em todo o território nacional.

A maioria dos médicos concursados do HC são funcionários do Estado atraídos pela fama da instituição. Eles se distinguem pela admirável formação acadêmica e excelência dentro de suas especialidades. Quase todos são profissionais humanitários, muito trabalhadores e que se dedicam aos seus pacientes de forma exemplar.

Grande parte deles detém habilidades e notório saber valorizados além das fronteiras da instituição e do país.

Quase nunca fazem greve e freqüentemente acumulam tarefas para que o hospital funcione. Muitos fazem pesquisas inovadoras, publicam artigos científicos e constantemente levam trabalho para casa. São médicos tão apaixonados pelo que fazem que não se deram conta de que poderiam entrar em um péssimo negócio.

Com tantas qualidades, seria esperado que os médicos do HC fossem pelo menos remunerados adequadamente. O salário de qualquer médico deve, no mínimo, pagar o longo investimento na sua formação e nos cursos de reciclagem; deve também permitir que exerça sua profissão com dignidade e que seja modelo de saúde para os seus pacientes. A sua remuneração deve ainda compensar pela grande responsabilidade que carrega.

As associações médicas estaduais sugerem hoje um piso de R$ 7.500 para atender tais necessidades. O HC paga um quinto desse valor.

Não precisa ser economista para perceber que pagar para trabalhar não é um bom negócio. Enquanto a política de estagnação salarial no HC é péssima para os médicos, ela é desastrosa para toda a população.

Sem a vontade governamental de resgatar salários de médicos e funcionários do HC, o elenco dos que vão dançar nessa história é gigantesco, e a coreografia, tragicamente previsível.

Primeiro ato - Os prestigiados médicos que se aposentam não encontram candidatos à altura para substituí-los. Os novos médicos que ainda ingressam, quando dotados de um pouco de inteligência e bom senso, rapidamente abandonam seus cargos.

Entreato - Pacientes graves de renda média e baixa não conseguem acesso a uma das poucas filas que restavam a sua disposição. Segundo ato - Sem médicos capacitados, o atendimento se torna precário, e a pesquisa, de baixa qualidade; não se produzem novos conhecimentos nem se consegue transmiti-los aos alunos da USP. Os prodigiosos passos alcançados pelo HC e pela Faculdade de Medicina da USP em tantas décadas já não mais impressionam nem beneficiam aqueles sentados em camarotes. As cortinas se fecham.O conselho do governador ilumina a cena.

DAVI DE LACERDA, 36, graduado em medicina pela USP e residência em dermatologia pelo Johns Hopkins Hospital (Baltimore, EUA), é dermatologista em consultório e no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP.Na Folha aqui para assinantes

8 comentários:

  1. Helena
    Estou em dúvida se realmente o PT está a fim de eleger a Dilma.
    Acabo de ver o programa do Serra dizendo que o crescimento dele nas pesquisas ajudou a valorização das ações da Petrobrás que estavam caindo. E nós sabemos que foi feito uma cachorrada com o auxílio do Itaú e outros e a CVM até agora... nada. Sobre este fato recente, que foi um ataque, no programa da Dilma não se falou nada. Será que estão cegos ou é de propósito?
    Agora tem que correr atrás pois ele já faturou o ataque especulativo muito bem faturado. Acho até que tudo foi muito bem orquestrado.
    E o programa da Dilma a seguir continua praticamente a mesma coisa e com gravações antigas do Lula que todos já viram.
    Este pessoal da campanha precisa acordar. Aliás o PT aqui em minha cidade Teresópolis, cujo prefeito é do PT(pero no mucho pois em eleição anterior ele foi candidato pelo PFL), não faz absolutamente nada, inclusive o próprio prefeito, que aliás só apoiou candidatos a deputados que eram do PV e outro partido que agora não lembro. O Comitê onde eram distribuidos adesivos, etc está totalmente fechado e com ar de abandono.
    Aqui o Serra ficou em primeiro, a Marina em segundo e a Dilma em terceiro (muitos evangélicos).
    Acho também que os governadores e prefeitos aliados tem que ter ações concretas e não é só dar entrevistas para Globo.
    Desculpe o desabafo!

    ResponderExcluir
  2. Quero saber se toda essa sujeirada do paulo preto vai passar em brancas nuvens no seu programa, enquanto serra todo dia fala em corrupção no governo de lula e em um eventual governo de Dilma.
    É inexplicável que este assunto não seja tratado que a campanha também entre na fase dura, porque aquele que apanha calado passa a impressão de covarde.

    ResponderExcluir
  3. PRESIDENTE LULA, VAMOS PRA LUTA.
    NADA DE ESPERAR DEMOCRACIA DOS CANALHAS.
    NÃO ADIANTA FICARMOS AQUI MOSTRANDO AS FRAUDES DO SERRA.LULA TEM QUE VIR A PUBLICO E JOGAR TUDO PRO POVÃO ENXERGAR DE VEZ.
    PSDB JÁ ESTA ATÉ ORGANIZANDO A POSSE DE SERRA.......
    CHEGA DE PALAVRAS E INDIRETAS, TEMOS QUE PEGAR PESADO, JOGAR FIRME, MAS SEMPRE COM A VERDADE PARA NÃO NOS IGUALAR-NOS A ESSA QUADRILHA.
    SÓ O HORÁRIO ELEITORAL ATINGE O QUE A GLOBO E OS PIGs QUEREM ESCONDER.

    ResponderExcluir
  4. Para Marilena Chaui, professoa de Filosofia da USP, Serra representa a liquidação da democracia e dos direitos sociais.
    Serra é contra o direito de expressão ele conduz a desinformação para confundir. Enquanto 80% da opinião pública diz que o governo Lula e bom ou ótimo, a mídia diz que este é o pior governo do mundo.
    O Serra venceu em todas as regiões do agronegócio, as regiões do DEM , dos desmatamentos.
    Serra que acabar com o meio ambiente – Marina tem o PT e o PV no coração
    Depois de um operário na presidência do Brasil, um negro na presidência do pais mais poderoso do mundo agora é a vez de uma mulher na Presidência do nosso pais. Dilma compreende administração e política – governo e democracia. Ela é capaz de pensar a partir do que o outro diz...
    Veja depoimento da Folosofa MARILENA CHAUI em http://inaciovacchiano.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  5. Companheiros,

    3 notícias, que já mandei para outros blogs, mas não foram publicadas. Talvez tenha mais aparição no Blog do Terror do Nordeste:

    1. Mônica Serra (terrorista religiosa e defensora da imoral e dos maus costumes) já fez aborto, nos anos 70 lá no Chile quando estava já com Zé Baixaria:

    http://prod.midiaindependente.org/pt/blue/2010/10/478931.shtml

    2. A banda californiana Rage Against The Machine expressou apoio à Dilma Rousseff. O guitarrista Tom Morello disse no seu twitter que “Dilma Rouseff é a candidata dos pobres, da classe trabalhadora e da juventude. É minha esperança que os jovens do Brasil apóiem ela” (Dilma Rousseff is a candidate for the poor, the working class and the youth. It’s my hope that the young people of Brazil support her). Eu salvei a página do twitter dele. Está aqui abaixo:
    http://img835.imageshack.us/img835/1927/ratm4dilma.png

    3. Vale a pena ver esse post do Celso Jardim:

    http://blogdocelsojardim.blogspot.com/2010/10/se-o-pais-voltar-ao-atraso-ajoelhe-no.html

    ResponderExcluir
  6. BOMBA! Monica Serra teria praticado aborto diz ex-aluna http://bit.ly/9rUhSa Teria Serra mandado abortar? Espalhem sem dó.

    ResponderExcluir
  7. DIA 18 DE OUTUBRO: DIA DO MÉDICO.
    BOM MOTIVO PARA MOSTRAR ESTA MENSAGEM NO PROGRAMA DA TV.

    ResponderExcluir
  8. O Conselho do Governador é um excelente artigo. De forma elegante desmascara o Serra, e mostra sua ma vontade quanto à saude da população!!!
    Parabéns!!!!!!!!!

    ResponderExcluir

Nota do moderador: Comentários preconceituosos, racistas e homofóbicos, assim como manifestações de intolerância religiosa, xingamentos, ofensas entre leitores, contra o blogueiro e a publicação não serão reproduzidos. Não é permitido postar vídeos e links. Os textos devem ter relação com o tema do post. Não serão publicados textos escritos inteiramente em letras maiúsculas. Os comentários reproduzidos não refletem a linha editorial do blog